Cerâmica Portinari

CAPA MANUTENÇÃO E LIMPEZA
MANUTENÇÃO E LIMPEZA

Manter o seu revestimento sempre belo é muito simples. A correta manutenção e limpeza garantem as características técnicas e estéticas por muito mais tempo. Confira como cuidar do seu revestimento em diversas situações.

Cuidados durante a obra

40 Cuidados durante a obra

- É importante manter a obra sempre limpa e de preferência livre de materiais abrasivos.

- Para evitar o contato direto com materiais abrasivos que podem danificar o revestimento quando entram em atrito com a circulação de pessoas, recomenda-se que os pisos cerâmicos sejam assentados no final da obra. Etapas como pintura e gesso devem anteceder aos pisos.

- Em casos específicos, onde o piso precisa ser colocado em meio à obra, recomenda-se que a superfície seja mantida limpa e que sejam protegidas com lonas, evitando que a sujeira abrasiva fique em contato direto com os revestimentos e possam danificá-los.

Limpeza Pós-Obra

Para facilitar a limpeza diária é muito importante realizar a limpeza pós-obra de forma correta, confira abaixo como proceder em cada situação:

- Produtos polidos possuem cera em sua superfície, essa camada é importante para proteger o produto no transporte e durante a obra. Após a obra ela deve ser removida com detergente neutro e água;

- Alguns produtos vêm com uma película plástica protetora com a mesma finalidade da cera, essa película só deve ser retirada no fim da obra e, em seguida, passar um pano com álcool sobre toda a superfície do revestimento, se ficar alguma cola na superfície, pode ser removida com água quente;

- Para a remoção de argamassa e rejunte à base de cimento recomenda-se utilizar vinagre de álcool, deixar agir por 15 minutos, em seguida, esfregar com uma esponja azul (especial para cristais) com um pouco de saponáceo cremoso, enxaguar com bastante água e secar com um pano limpo;

- Respingos de tinta podem ser removidos com solvente, desde que colocado em um pano e não diretamente no produto, e em seguida passar pano úmido;

- Riscos de lápis podem ser apagados com uma borracha comum;

- Riscos de alumínio podem ser removidos com água sanitária diluída na proporção de 3 por 1, deixar agir por 15 min e esfregar com saponáceo cremoso;

- Quando houver riscos profundos, que podem ser sentidos passando a unha, a peça deverá ser trocada;

- Nunca utilize produtos que contenham ácido para tentar limpar revestimentos cerâmicos, pois atacam quimicamente causando danos irreversíveis no produto.

Fique Sabendo!

Não utilize produtos, como: água sanitária pura, limpa forno, limpa alumínio e soda cáustica.
Não utilize sabão em pó, pois cria uma película e facilita a aderência de sujeiras.
Não utilize esponja de aço, pois além de riscar a peça o aço pode desprender e enferrujar sobre o produto.

  • Assista ao vídeo

Limpeza Diária de produtos de uso interno

41 Limpeza Diária de produtos de uso interno

Os revestimentos cerâmicos são sinônimos de praticidade e facilidade de manutenção. Por isso, para a limpeza diária, recomenda-se primeiro uma higienização a seco com aspirador ou vassoura de cerdas macias e posteriormente efetuar a limpeza com água e detergente neutro. Muito simples e fácil. Se tiver uma sujeirinha teimosa que não quer sair, pode-se utilizar saponáceo cremoso ou limpa vidros.

 

Confira mais detalhes sobre limpeza diária no vídeo explicativo, disponível em:

https://www.youtube.com/watch?v=LiIY4L2pW70&list=UU8Kl8Uo4Wcbfr1JxLi3rnbg

  • Assista ao vídeo

  • Limpeza com a técnica dos dois baldes

    Para mais eficiência, pode-se fazer a limpeza utilizando a técnica dos dois baldes, sendo que no 1º balde se coloca água limpa e detergente neutro. E no 2º balde se coloca somente água limpa. Para realizar a limpeza basta seguir a sequência:

    - Remover os resíduos soltos com uma vassoura ou aspirador de pó.
    - Pegar um pano limpo e enxaguar no primeiro balde, aplicar no revestimento e deixar agir de 3 a 5 minutos.
    - Enxaguar o pano no 2° balde (balde somente com água limpa) e torcê-lo sobre este balde.
    - Passar o pano no revestimento para retirar o excesso de detergente.
    - Enxugar com pano limpo.

    42 Limpeza com a técnica dos dois baldes

Limpeza de ceras protetoras

43 Limpeza de ceras protetoras

Produtos polidos possuem uma camada de cera em sua superfície, que tem o objetivo de proteger o produto no transporte e durante a obra, como vestígios como areia e rejunte que podem riscar o produto.

A cera é aplicada após o processo de polimento sobre a superfície, deixando uma fina camada que torna a superfície fosca. Ela deve removida somente após o produto assentado e rejuntado, e após a finalização de toda a obra. A remoção da cera vai resgatar o brilho do porcelanato e pode ser feita com água e detergente neutro, esfregando o produto com uma esponja azul (especial para cristais).

Alguns porcelanatos polidos possuem uma película protetora plástica, que possui o mesmo objetivo de proteção da cera. Nestes casos, basta retirar o plástico e, em seguida, realizar a limpeza com um pano embebido em álcool, se ficarem restos de cola podem ser removidas com água quente. 

Limpeza de Acetinados

44 Limpeza de Acetinados

Os produtos acetinados possuem a superfície menos deslizante em relação aos materiais brilhantes, porém isto não significa que sejam difíceis de limpar. A limpeza pode ser feita com água e detergente neutro com auxílio de esponja ou pano.

Caso seja utilizado o rejunte epóxi em porcelanatos acetinados, a limpeza deve ser realizada imediatamente após a aplicação, com uma esponja molhada. O rejunte epóxi, quando seco, pode formar uma espécie de moldura nos produtos acetinados.

Limpeza de Antiderrapantes

Todo produto antiderrapante possui superfície áspera, oferece maior segurança e exige maior manutenção na limpeza.

 45 Limpeza de Antiderrapantes

Os produtos antiderrapantes são indicados para áreas externas, expostas à chuva e umidade, ou àquelas que precisam oferecer maior segurança ao caminhar. Porém, a superfície mais áspera dos antiderrapantes, que evita o escorregamento, também acaba influenciando na sua limpeza. O ideal é usar saponáceo em pó e uma escova de cerdas duras para lavar este tipo de revestimento. É uma limpeza um pouco mais pesada, por isso os porcelanatos antiderrapantes não são indicados para locais onde a limpeza precisa ser frequente.

Limpeza de manchas pontuais

Algumas substâncias sujam o porcelanato de forma mais intensa e acabam não sendo possíveis de remover com a limpeza diária. Porém, com o uso do produto adequado é possível removê-las sem causar danos no produto.

 46 Limpeza de manchas pontuais

A utilização de vinagre branco de álcool, por exemplo, associado ao saponáceo cremoso, possibilita uma limpeza eficiente e remove manchas de diversas origens, como: rejuntes, gorduras, alumínio.

Caso seja possível, é importante é limpar a superfície da cerâmica imediatamente após o contato com a substância que poderá ocasionar a mancha. Como exemplo, pode-se citar o vinho: quando em contato com o porcelanato, a facilidade na limpeza será bem maior se efetuada imediatamente.

A seguir, veja alguns produtos que facilitarão a sua limpeza: 

Mancha

Produto adequado para remoção da mancha

Graxas, óleos, cola, gordura

Água quente e detergente neutro

Tinta

Removedor de tintas aplicado com um pano, nunca jogar diretamente sobre o produto.

Ferrugem, café, cerveja, vinho

Água sanitária diluída em água, na proporção de 3 por 1 - sobre a mancha por 15min + saponáceo cremoso

Tinta de caneta, grafite

Acetona

Marcas de pneu, borracha

Aguarrás ou saponáceo cremoso

Lápis

Borracha ou saponáceo cremoso

Risco de alumínio

Água sanitária diluída em água por 15min + saponáceo cremoso

Terra vermelha em produtos antiderrapantes

Água sanitária diluída em água, na proporção de 3 por 1 - sobre a mancha por 15min + saponáceo em pó com escova de cerdas duras

Terra vermelha em produtos polidos

Água sanitária diluída em água, na proporção de 3 por 1 - sobre a mancha por 15min + saponáceo cremoso com o lado macio da esponja

Terra vermelha em produtos acetinados ou esmaltados

Água sanitária diluída em água, na proporção de 3 por 1 - sobre a mancha por 15min + saponáceo cremoso, com o lado áspero da esponja

Excesso de rejunte à base de cimento e argamassa

Vinagre de álcool por 15min + saponáceo cremoso

Rejunte Epóxi

Removedor de tinta epóxi, pasta automotiva ou vinagre

Excesso de impermeabilizante

Limpa-vidros ou detergente neutro

Batom

Acetona, benzina

Sangue

Água oxigenada

Gordura do corpo (box do banheiro)

Vinagre de álcool + saponáceo cremoso

* Repetir o processo quando necessário, ou se a mancha não for totalmente removida na primeira tentativa.

Limpeza da Coleção Travertino Clássico

Esta coleção é composta por produtos diferenciados e com um design inovador. Sua superfície apresenta as mesmas características da pedra natural, um toque acetinado e alguns furinhos característicos da pedra natural. Por esse motivo, a manutenção desses produtos também exige uma diferenciação, para uma limpeza eficiente recomendamos a utilização do Veja Multiuso Azul. 

Água sanitária

A água sanitária é um dos produtos mais comuns utilizados para limpeza de revestimentos, principalmente nas áreas molhadas da casa como cozinhas, banheiros e áreas de serviço, porém nunca deve ser utilizada pura, sem diluição, pois pode danificar o revestimento.

Para a limpeza geral do ambiente com água sanitária é necessário diluir na proporção 3 por 1, ou seja, 3 partes de água para 1 parte de água sanitária.

47 Água sanitária

Ataque químico

Você sabia que o ataque químico é irreversível. Embora os revestimentos possuam alta resistência, o ataque químico é um desgaste ou corrosão provocado pelo uso inadequado de materiais de limpeza. Este processo torna o revestimento poroso, causando perda de brilho e manchas foscas, tanto pontuais quanto em sequência. O ataque químico é irreversível, a solução é a remoção ou substituição das peças danificadas.

Fique Sabendo! Produtos como limpa forno, limpa telhas, limpa alumínio, solvente, tinner, limpa pedras,querosene, entre outros que contém ácido e ainda os que possuem o símbolo de uma caveira na embalagem, nunca devem ser utilizados para limpeza de revestimentos cerâmicos, pois irão danificar o produto.

48 Ataque químico 

Cuidado redobrado na instalação dos móveis! Alguns montadores costumam utilizar limpa alumínio para remover algumas marcas escuras que ficam impregnadas no piso quando os móveis são arrastados e com isto a superfície é atacada quimicamente. Para remover estes riscos, basta utilizar água sanitária diluída na proporção de 3 por 1, deixar agir por 15 min e esfregar saponáceo cremoso com esponja para cristais.

Prolongando a vida útil dos revestimentos

Para manter seu revestimento sempre belo por muito mais tempo é importante tomar alguns cuidados, como:

- Forre os pés dos móveis com carpete ou feltro, assim você evita danos ao revestimento em caso de contato com areia e outros resíduos abrasivos;

49 Prolongando a vida útil dos revestimentos

–Utilize capachos nas portas com ligação direta com a rua, garantindo que o excesso de sujeira abrasiva impregnada nos calçados sejam removidas;

50 Prolongando a vida útil dos revestimentos

-Em ambientes com grande fluxo de pessoas, por exemplo, comerciais, que possuem porcelanato polido, além do capacho orgânico, faça uma espécie de capacho cerâmico com revestimentos acetinados próximos as áreas de acesso, possibilitando uma transição até o material brilhante, aumentando assim a durabilidade dos revestimentos;

51 Prolongando a vida útil dos revestimentos

- Evite a queda de objetos pesados ou pontiagudos que podem provocar lascas na superfície esmaltada dos revestimentos;

52 Prolongando a vida útil dos revestimentos

- Mantenha os revestimentos sempre limpos, livre de sujeiras abrasivas que podem riscar o produto;

53 Prolongando a vida útil dos revestimentos

- A água sanitária é um dos produtos mais utilizados para limpeza de revestimentos, principalmente nas áreas molhadas da casa como cozinhas, banheiros e áreas de serviço, porém, quando utilizada sem diluição, pode danificar o revestimento. Por isso, sempre dilua na proporção de 3 por 1, uma parte de água sanitária para três partes de água, garantindo assim uma manutenção eficiente e segura;

- A utilização de vinagre branco de álcool associado ao saponáceo cremoso possibilita uma limpeza eficiente, removendo manchas diversas, como: rejuntes, gorduras e alumínio.

54 Prolongando a vida útil dos revestimentos

^